Buscar
  • Rádio Marujo Carioca

Rodrigo San mostra sutileza na nostálgica Aquela Bicicleta


O músico alagoano Rodrigo San tem uma marca registrada: a sinceridade que leva da via pessoal às composições. Contador de histórias que é, transforma com facilidade as memórias em canções e este é o processo que explica o lançamento de 'Aquela Bicicleta', seu novo single.

A música chega às plataformas de streaming via Orangeira Music e Life Records. Ouça aqui: https://song.link/d2xvGFQsnkT7h.

'Aquela Bicicleta' também ganhou vídeoclipe: https://youtu.be/CkvUhepwpZY, produzido por Raphael Pires.

A levada pop de 'Aquela Bicicleta' remete a Nando Reis e Cássia Eller - não à toa. A canção nasce da lembrança de um show - perdido - de Cássia Eller em Maceió. "Na minha insistência em ir de bicicleta, perdemos", conta San. É uma música divertida, com um tom nostálgico e confessional, tudo repassado ao ouvindo por meio de arranjos sutis.

Trabalhos intensos na quarentena e o período de isolamento deixa espaço para a saudades. Rodrigo conta que sente muita falta do palco e aproveita o tempo entre o ofício da docência e de músico, compondo. Em um insight compôs Mil Abraços, já tocada em uma das lives realizada no mês passado. "Feedback foi bom e estou animado para logo entrar em estúdio e gravá-la".

Em breve, San lança também o lyric vídeo de Menina, que foi o primeiro single do álbum Sutil (2019). A canção tem contornos da vida pessoal do músico alagoano: fala de ser pai e esposo, e reflete principalmente a relação ao longo dos 20 anos com a filha.

Sutil é o disco de estreia de Rodrigo San, lançado pela Orangeira Music em 2019: https://sl.onerpm.com/8103219381.

'Sutil' reúne 11 capítulos da vida de Rodrigo San e transita entre a Nova MPB, reggae, soul music brasileira e blues rock. O alagoano propõe narrativas e melodias sinceras, sempre otimistas, abraçadas por um tom confessional.



Crédito da foto: FRAGMA/Arthur Celso @arthurcelsofotografia

2 visualizações

2020 - site by MARISA ARAUJO  - +55 21 96409 2656

Todos os direitos reservados sob pena da LEI Nº 9.610, DE 19/02/1998.